sexta-feira, 10 de janeiro de 2014

A felicidade a partir de uma perspectiva budista




Matthieu Ricard nasceu em 1946, filho do filósofo francês Jean-François Revel, com quem escreveu o bestseller traduzido para mais de vinte idiomas O monge e o filósofo. Foi pesquisador em genética celular da equipe do laureado cientista François Jacob antes de mudar-se para o Himalaia e tornar-se monge budista, há mais de 35 anos. É fotógrafo, autor de vários livros, inclusive The quantum and the lotus com o astrofísico Trinh Xuan Thuan, e tradutor do Dalai Lama. Participa ativamente das pesquisas sobre o efeito da meditação no cérebro, especialmente no programa do Mind and Life Institute, e contribui para projetos humanitários no Nepal, onde mora.

(da orelha de Felicidade: a prática do bem-estar. Trad. Arnaldo Bassoli. São Paulo, Palas Athena, 2007)

2 comentários:

  1. Parabéns, Leila, pela escolha da postagem. É um livro para ser lido diariamente. Obrigado!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que tenha gostado, Jadson! Eu fiquei muito impressionada quando conheci o trabalho do Matthieu Ricard.

      Excluir